LUÍSA DAMIÃO VICE-PRESIDENTE DO MPLA BARRA FILPE ZAU MINISTRO DA CULTURA POR CAUSA DOS INTERESSES DE EDIR MACEDO QUE ELA DEFENDE EM ANGOLALUÍSA DAMIÃO VICE-PRESIDENTE DO MPLA BARRA FILPE ZAU MINISTRO DA CULTURA POR CAUSA DOS INTERESSES DE EDIR MACEDO QUE ELA DEFENDE EM ANGOLA

Não há dúvidas a IURD Angola hoje no país é comandada pelo bispo Valente Bezerra Luís – e só tem um líder -, já que a assembleia geral que o elegeu, em 2020, foi reconhecida pelo Instituto Nacional de Diálogo Religioso (Inar), órgão que controla o funcionamento das igrejas no país, ligado ao Ministério da Cultura angolano.

Nos últimos anos, um conflito entre a ala brasileira da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) de Edir Macedo e dissidentes angolanos levou à tomada de templos em Luanda e outras províncias e subiu à esfera diplomática depois do ex- presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, ter pedido ao seu homólogo angolano maior proteção para os membros da IURD, tendo João Lourenço garantido que o diferendo terá o “tratamento adequado”na qual o INSTITUTO NACIONAL PARA OS ASSUNTOS RELIGIOSOS ( INAR),decretou que a IURD em Angola seja liderada pelos angolanos,afastando assim o lider brasileiro e sua ala em frente da IURD no territorio nacional.

Realizou de 25 e 26 do corrente mês do ano de 2023.

image-28-1024x576 LUÍSA DAMIÃO VICE-PRESIDENTE DO MPLA BARRA FILPE ZAU MINISTRO DA CULTURA POR CAUSA DOS INTERESSES DE EDIR MACEDO QUE ELA DEFENDE EM ANGOLA

Agora se compreende porquê que Alberto Segunda o representante dos interesses de Edir Macedo em Angola,disse em conferencia de imprensa em Luanda que tem apoio político, do Executivo, o Ministro do Interior Laborinho,Ministro da Ciência e Tecnologia e Comunicação Social, só assim se justifica o porquê que a imprensa pública e os privados estavam presentes na assembleia geral cobriram e não divulgaram a assembleia Geral da IURD-Angola entre os dias 25 e 26 do corrente mês.

Assembleia Geral DA IURD-ANGOLA, na qual foi aprovado os novos Estatutos da IURD-ANGOLA e decidiu mudar o nome da Igraja. a direcção eleita deverá escolher o novo nome.

image-30-768x1024 LUÍSA DAMIÃO VICE-PRESIDENTE DO MPLA BARRA FILPE ZAU MINISTRO DA CULTURA POR CAUSA DOS INTERESSES DE EDIR MACEDO QUE ELA DEFENDE EM ANGOLA

Segundo fonte da Confidencial news,Luisa Damião a vice-presidente do MPLA,orientou os órgãos de comunicação social presentes na Assembleia Geral DA IURD-ANGOLA para nao apresentar na sociedade,tendo em contrapartida entregou aos respectivos responsaveis da imprensa presente a cada um valor de 5 milhões de kwanzas,estes valores foram entregue aos mesmos atraves do irmão da mesma Januário Damião Jornalista,esta  prática tem demonstrado o contrário aos bons discursos, que o camarada João Lourenço presidente do partido MPLA e da republica de Angola tem proferido citmos:“ A corrupção e o nepotismo são os inimigos público número um” contra o qual o partido tem “o dever e a obrigação de lutar e de vencer”.a mesma vice-presidente do partido no poder tem vindo tem demonstrado o contrário,facilitar Edir Macedo para regressar a dirigir a IURD em Angola,por causa do esposo da mesma ser Brasileiro e amigo de Edir Macedo e Bolsonaro ex-presidente do Brasil,ambos tem vindo a executar varias tentactivas de convencer varios membros do governo angolano,comgarantias de dinheiros e imoveis no Brasil,disse a nossa fonte,nesta tarefa Alberto Segunda tem aparecido na midia angolana estatal como se foce o lider legitimo,com o beneplacito da vice-presidente do MPLA,no momento da abertura da assembleia geral da IURD Angola esteve presente Filipe Nzau o Ministro da Cultura de Angola

image-29 LUÍSA DAMIÃO VICE-PRESIDENTE DO MPLA BARRA FILPE ZAU MINISTRO DA CULTURA POR CAUSA DOS INTERESSES DE EDIR MACEDO QUE ELA DEFENDE EM ANGOLA

como convidado de honra,a noticia foi barrada pelos jornalistas comprados pela vice-presidente do MPLA,ministro e sua equipa nao viram as imagens a passar na midia do governo onde ele membro,tudo por causa da vice-presidente do MPLA que defende os interesses de Edir Macedo em Angola.

Por:Gabriel Francisco

Notícias relacionadas

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

LinkedIn
Share
WhatsApp